Caifás avisa que só os romanos podem prender os apóstolos. O Sumo Sacerdote diz que pedirá uma audiência com Pilatos. Joana e Madalena temem serem descobertas.

Arimatéia critica a perseguição aos seguidores de Jesus. Eloah e Bartimeu dizem que é preciso proteger os apóstolos. Helena se oferece para cuidar de Elias. Caifás pede para ser levado a Pilatos.

Edissa e Deborah ficam revoltadas ao verem Longinus e Terencius debochando de um aleijado. Elas se surpreendem ao perceberem que é Caius. Bartimeu tenta achar os apóstolos. Deborah sente pena de Caius.

Nicodemos avisa que o esconderijo está prestes a ser descoberto. Caifás se encontra com Pilatos e revela o paradeiro dos seguidores do Messias. Jesus aparece para os apóstolos. Deborah e Edissa dizem para os prisioneiros manterem a fé. Madalena se desespera ao saber que os apóstolos foram descobertos.

Joana diz que houve uma tragédia. Marcos avista Petronius e os soldados. Tiago Justo e Lázaro se disfarçam para despistar os guardas na hospedaria. Pilatos convida Arimatéia e Madalena para tomarem vinho. Caifás comemora o fim de Jesus.

Cláudia e Helena ameaçam Pilatos caso ele faça mal aos apóstolos. Petronius e os soldados chegam até o esconderijo dos apóstolos.

* Sujeito à alteração de acordo com a edição dos capítulos.

Fonte: R7 / TV Record